23/08/2022 às 11h23min - Atualizada em 23/08/2022 às 11h23min

MPRN seleciona profissionais nas áreas de Psicologia e Serviço Social

Remuneração é de R$ 5.185,70 mais benefícios de auxílio-alimentação e auxílio-saúde

Remuneração é de R$ 5.185,70 mais benefícios de auxílio-saúde e auxílio-alimentação
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) abriu seleção para áreas de Psicologia e Serviço Social. As vagas para o cargo de assistente ministerial são para o município de Parnamirim. O prazo para envio de currículo já está aberto e segue até o dia 28 deste mês. A remuneração é de R$ 5.185,70 mais os benefícios de auxílio-alimentação e auxílio-saúde.
 
O recebimento de currículos para Psicologia ocorrerá exclusivamente pelo link: https://forms.gle/3fr1QRtUmGXdX1yX9. Para se inscrever para seleção de Serviço Social, o candidato deve enviar currículo no link: https://forms.gle/1UueR2wvjkudTwxt8.
 
Informações sobre o andamento do processo seletivo podem ser obtidas através do e-mail [email protected] e ou portal do MPRN. Os currículos aceitos para o processo seletivo serão apenas aqueles enviados dentro do prazo estabelecido. Para as duas vagas, a carga horária é de 40 horas semanais, com possibilidade de teletrabalho.
 
Entre as atividades previstas para Psicologia estão: realizar atividades de nível superior, fornecendo o suporte técnico ao exercício das funções dos órgãos do Ministério Público; elaborar minutas de pareceres e laudos técnicos em processos administrativos e judiciais; realizar análise psicológica e emitir parecer crítico psicológico com objetivo de avaliar as informações que constam nos documentos em relação às condições intelectuais, psíquicas e comportamentais de crianças, adolescentes, adultos e idosos, entre outras.
 
Já para a área de Serviço Social, entre as atividades previstas estão: elaborar minutas de pareceres e laudos técnicos em processos administrativos e judiciais; confeccionar os relatórios que lhes sejam determinados por sua chefia imediata, realizar avaliação social e respectivos relatórios, possibilitando conhecimento de situações familiares e individuais, para auxiliar o promotor de Justiça na tomada de decisão, quer seja em procedimentos extrajudiciais ou judiciais.
 
Inclui ainda realizar vistorias e respectivos relatórios; prestar apoio institucional em projetos, palestras, reuniões e eventos dessa natureza; elaborar informação técnico científica sobre a matéria de Serviço Social para compor materiais informativos.



Fonte: Ministério Público do Rio Grande do Norte

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp